Relatos de uma noite de prazer (+18)

WhatsApp Image 2018-03-02 at 09.11.55

A noite caindo, coloquei a minha melhor lingerie para te surpreender e te proporcionar uma noite inesquecível. Tomei uma taça de vinho sozinha esperando a sua volta. Você iria chegar daquela viagem e tudo o que eu pensava era em fazer você relaxar. Ao ouvir você entrar eu já estava na segunda taça, lembrando de você comecei a me tocar.

Já estava toda excitada só esperando você entrar, desculpa, mas, não consegui me controlar. Caminhando em sua direção, já fui logo me aproximar, nossa música tocando na sua frente me pus a dançar. Já disse, o que eu quero é te relaxar. Tocando todo o seu corpo, carícias te fiz ao dançar. Te levei pro nosso quarto para nossa noite começar.

Joguei você na cama e comecei a te beijar suavemente, enquanto a sua roupa devagar eu fui tirando, te fazendo sentir que a nossa noite prometia e que estava apenas começando. Sem pressa, sem hora para acabar, massageie todo o seu corpo com as mãos, a boca e o toque da minha pele na sua. Foi aí que comecei a provar do teu gosto misturado ao sabor do vinho te fazendo arrepiar.

E foi assim que tudo aconteceu naquela noite, o meu corpo tinha sede de você e precisava se saciar. Foi uma noite mágica, de carinho, amor, tesão e prazer. Noite que eu jamais vou me esquecer. Nossos corpos sedentos exalavam prazer, nos amamos a noite inteira, até o dia amanhecer.

Em parceria com @karinecapitini
📷 @meustonsdecinza

Sobre o autor

Piauiense cabra arretado, sabe?! Contador por profissão, louco por números... Que ainda acredita no amor, observador de detalhes, onde apaixonou-se por escrever e consegue colocar para fora alguns pensamentos "soltos" que a cabeça e o coração insistem em discutir.

Publicado por

Mauro Garcia

Piauiense cabra arretado, sabe?! Contador por profissão, louco por números... Que ainda acredita no amor, observador de detalhes, onde apaixonou-se por escrever e consegue colocar para fora alguns pensamentos "soltos" que a cabeça e o coração insistem em discutir.

Um comentário em “Relatos de uma noite de prazer (+18)”