Recado para quando "você" decidir ir embora

Acho que retirar-se faz parte do processo, faz parte do que a gente chama de “auto responsabilidade”. Eu sei que dói quando as pessoas vão embora, dói ainda mais quando as amamos e mesmo assim elas não ficam. Mas também tem a nossa vez. Também precisamos ir embora quando não nos encaixamos mais, quando o amor fica em último lugar, quando tudo é prioridade, menos a nossa presença interna.

Não precisa sair de uma vez e bater a porta. Não precisa escancarar para o outro o quanto ele foi ruim ao deixar de lado o que era para estar na frente. É só sair aos pouquinhos, sabe? Porque na verdade, o outro só sentirá sua falta quando ele precisar.

Sim. Isso magoa. Mas é verdade.

Um comentário em “Recado para quando "você" decidir ir embora”