Comece de novo se precisar

img_9244Às vezes você se perde no meio do caminho, não sabe mais por onde ir, por onde andar, que rumo seguir. Às vezes você chega naquela encruzilhada, onde você fica ali parado vendo dois caminhos a seguir e enquanto pensa em qual seguir, aparece vários outros. Muito mais do que imaginava e ali parado onde estava se torna cada vez mais difícil de sair.

Sabe, você só para no tempo, na vida e muita coisa perde o sentido, o prazer, a essência e aquela vontade de seguir. Você simplesmente para, estaciona e onde as escolhas eram poucas, fáceis e certas a se tomar, acabam virando vários caminhos onde cada destino é mais escuro do que parece ser. Onde você toma uma decisão e cai em uma encruzilhada maior ainda. Você apenas se perde no caminho da sua vida.

Sabe quando tudo o que você faz está naquele automático? Você quer realmente fazer algo diferente, mas, nada de diferente acontece. Você fica preso a desejos, vontades que parecem nada acontecer. Você se pergunta o que fez de errado, porque está ali. Você se pergunta onde Deus está, cadê seus sinais e em que escuro se meteu que não enxerga mais ele. É tipo aquele quarto bem escuro onde não importa se está de olhos abertos ou não, você não enxerga nada!

Nada e ninguém vai te entender, nada e ninguém vai te enxergar e saber o que se passa em seu coração e mente. Você fica ali, sozinho, bastante sozinho, perdido mesmo e parece que quanto mais as pessoas tentam te falar algo, mas, você se torna sozinho.

Você sempre escuta, o tempo cura tudo. Sabe, eu não tinha tanta certeza assim, mas o tempo é sempre seu amigo, ele pode até não curar tudo, porém, vai ser ele que vai te ajudar nas horas mais difíceis. Vai ser aquele tempo sozinho, pensando somente em você que vai te fazer enxergar de novo algum caminho. Então, desista quantas vezes for preciso, se perca, tire um tempo para você. Mas, recomece, tente de novo, ou apenas comece de novo, de onde quiser.

Sobre o autor

Piauiense cabra arretado, sabe?! Contador por profissão, louco por números... Que ainda acredita no amor, observador de detalhes, onde apaixonou-se por escrever e consegue colocar para fora alguns pensamentos "soltos" que a cabeça e o coração insistem em discutir.

Publicado por

Mauro Garcia

Piauiense cabra arretado, sabe?! Contador por profissão, louco por números... Que ainda acredita no amor, observador de detalhes, onde apaixonou-se por escrever e consegue colocar para fora alguns pensamentos "soltos" que a cabeça e o coração insistem em discutir.