Uma pessoa segurando um guarda-chuva tentando alcançar um coração

Chega uma hora…

Chega uma hora na vida em que você não aceita mais aquele amor que te bagunça, que te deixa do avesso e te deixa sem sono.

Chega uma hora em que você não aceita mais aquele amor que te faz chorar, que te deixa pesado e faz tudo parece uma montanha russa na sua vida.

Chega uma hora que você percebe que pra ser o amor da sua vida não precisa ser cheio de intensidade o tempo todo, adrenalina pura e de tirar o fôlego.

Chega uma hora em que você só quer aquele amor que te transmita paz e sossego. Aquele amor que você possa deitar a cabeça no travesseiro e se sentir feliz e em paz consigo mesmo e com o outro.

Aquele amor que é intenso mas também é calmaria, e que a coisa mais profunda não está na cama mas no dia a dia, no cuidado, no carinho, no respeito.

Chega uma hora que a gente descobre que amor assim é raro, mas vale a pena querer, porque quando conseguimos nosso coração se sente em casa e feliz.

Chega uma hora que você se sente mais feliz em casa de pijama comendo um pizza e assistindo Netflix com aquela pessoa do lado, do que passar horas se arrumando pra sair na noite com alguém que no final dela vai te deixar em casa depois de uma briga.

Uma hora você percebe que o amor vai está naquele alguém que te cuida quando você adoece, que te leva pra comer aquilo que você ama independente do número que você veste. Alguém que quando você ligue na madrugada com medo e triste, ela não mede esforços pra te encontrar e passar a noite do teu lado, te olhando dormir, vigiando seus sonhos e pedindo pra Deus te guardar.

Chega a hora em que você só procura aquela parceria que fecha pra qualquer coisa. Que te ajuda, te apoia e cresce do seu lado. Aquele amor que você sabe que pode contar, fazer planos para o futuro e acreditar que talvez os “felizes para sempre” não seja um conto de fadas, e que também não precisa ser perfeito, só precisa ser verdadeiro e maduro.

📷 @girlscreating


Sobre o autor

Olá! Sou Lucimare Mesquita, nordestina precisamente do litoral piauiense.
Tenho um amor inexplicável por animais e pelo mar.
Apaixonada por histórias de amor, e adoro escrever pra transbordar em palavras toda a intensidade do meu ser.

Publicado por

Luh Mesquita

Olá! Sou Lucimare Mesquita, nordestina precisamente do litoral piauiense. Tenho um amor inexplicável por animais e pelo mar. Apaixonada por histórias de amor, e adoro escrever pra transbordar em palavras toda a intensidade do meu ser.